sexta-feira, 4 de janeiro de 2013


Na quietude das ruas
Posso escutar seu coração
Batendo acelerado e ritmado.
Observo a lua brilhante
E me encanto com você dormindo.
A noite está agradável e o céu claro,
Como a minha mente.
Que agora tem a certeza do que quer.
De quem quer.
Na quietude das ruas e na companhia
De meus pensamentos inquietos,
Sentindo o pulsar de seu corpo adormecido.
Corpo esse que o meu deseja
E que agora quer todas as noites.
Não apenas algumas noites,
Mas nas quentes e frias.
Ele a quer todos os dias e noites.

Jessika de Sousa Macêdo.