domingo, 2 de junho de 2013



Vivendo cada dia por vez,
Errando e acertando,
Tentando entender e até mesmo adivinhar
O resultado de cada ação.
E a vida em seu grande mistério,
Tem me deixado ansiosa,
Tem me deixado mais cautelosa.
Cada dia, algo novo.
Cada dia, um novo desafio.
Apesar das mesmas pessoas, dos mesmos lugares,
Sempre tem alguma coisa diferente.
Um sorriso, um toque, uma palavra, um olhar, um beijo.
E a vida em seu grande mistério,
Tem me deixado ansiosa,

Tem me deixado mais cautelosa.

Jessika de Sousa Macêdo.

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013


Na quietude das ruas
Posso escutar seu coração
Batendo acelerado e ritmado.
Observo a lua brilhante
E me encanto com você dormindo.
A noite está agradável e o céu claro,
Como a minha mente.
Que agora tem a certeza do que quer.
De quem quer.
Na quietude das ruas e na companhia
De meus pensamentos inquietos,
Sentindo o pulsar de seu corpo adormecido.
Corpo esse que o meu deseja
E que agora quer todas as noites.
Não apenas algumas noites,
Mas nas quentes e frias.
Ele a quer todos os dias e noites.

Jessika de Sousa Macêdo.